Reprodução

Com líder nas pesquisas intubado na UTI, o que pode acontecer nas eleições de Goiânia

28.11.20 15:03

O segundo turno da disputa pela prefeitura de Goiânia será realizado neste domingo, 29, em meio a uma situação completamente inusitada: Maguito Vilela, do MDB, que lidera com folga as pesquisas de intenções de voto, está internado na UTI, intubado e inconsciente em razão de sequelas da Covid-19. Ele está no Hospital Albert Einstein, em São Paulo, há mais de um mês, sem previsão de alta.

Na semana passada, em virtude do longo tempo de intubação, o emedebista passou por uma traqueostomia. Maguito está ligado a uma máquina de oxigenação externa ao corpo que funciona como um coração e pulmão artificiais, e faz sessões de hemodiálise.

Do ponto de vista da legislação eleitoral, não existe nenhum impedimento para que Maguito Vilela dispute a prefeitura de Goiânia inconsciente e intubado. Segundo a advogada Marilda Silveira, diretora do Instituto Brasileiro de Direito Eleitoral, o candidato do MDB poderá ser diplomado e empossado por meio de representantes legais, caso vença as eleições e ainda esteja internado.

“Enquanto uma pessoa estiver viva, ela pode ser eleita, ainda que com doença grave. Nesse caso, é possível tomar posse por representação, mesmo que o eleito não possa exercer o mandato”, explica Marilda.

Com Maguito empossado por representação, seu vice, o vereador Rogério Cruz, do Republicanos, ficará à frente da prefeitura enquanto o titular não estiver recuperado.

De acordo com a última pesquisa divulgada pelo Ibope, Maguito Vilela tem 54% das intenções de voto e o senador Vanderlan Cardoso, do PSD, 31%. Nos últimos dias, o estado de saúde de Maguito Vilela gerou tensão em Goiânia. Vanderlan e aliados têm cobrado a participação do vice Rogério Cruz em entrevistas e debates.

“Como médico e vereador, tenho compromisso com a verdade e o quadro clínico de Maguito está se deteriorando gradativamente”, disse o vereador Paulo Daher, do PMN. Ele afirmou que qualquer paciente que tem falência renal, pulmonar, quadro de coma e traqueostomia “não vai ter alta tão cedo”.

O vereador classificou a campanha de “estelionato eleitoral”. “O ex-governador está em estado gravíssimo de saúde. Precisamos saber se Rogério Cruz tem condições de governar Goiânia, mas não saberemos nunca, porque ele fugiu de debates”, acrescentou Paulo Daher.

Vice de Maguito, Rogério Cruz é radialista, administrador, pastor evangélico e fez parte do Grupo Record, onde dirigiu rádios no Brasil e no exterior, principalmente na África. Está no segundo mandato como vereador de Goiânia, mas tem sido criticado por morar na cidade há apenas 10 anos.

Ele gravou um vídeo nas redes sociais em que disse ser alvo de “preconceito político”. “Maguito continua melhorando e logo estará aqui para fazer uma administração que vai melhorar ainda mais a qualidade de vida das pessoas”, afirmou Cruz.

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

O maior e mais influente site de política do Brasil. Venha para o Jornalismo independente!

Assine a Crusoé

CONFIRA O QUE VOCÊ GANHA

  • 1 ano de acesso à CRUSOÉ com a Edição da Semana: reportagens investigativas aprofundadas, publicadas às sextas-feiras, e Diário, com atualizações de segunda a domingo
  • 1 ano de acesso a O ANTAGONISTA+: a eletrizante cobertura política 24 horas por dia do site MAIS conteúdos exclusivos e SEM PUBLICIDADE
  • A Coluna Exclusiva de Sergio Moro
  • Podcasts e Artigos Exclusivos de Diogo Mainardi, Mario Sabino, Claudio Dantas, Ruy Goiaba, Carlos Fernando Lima e equipe
  • Newsletters Exclusivas

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. Criticado por morar na cidade há “apenas” 10 anos? Goiânia é tão imensa assim? Em 10 anos não dá pra conhecer a cidade?

  2. Os opiniáticos que pensam com os próprios fígados não vão dar um piozinho sequer diante da notícia de que o estuprador de propriedades alheias promoveu e compareceu a eventos quando já sabia que Sâmia Bonfim testara positivo para a peste chinesa?

  3. Paciente em pulmão artificial dificilmente sobrevive. Com falência real fica mais difícil ainda. E se sobreviver terá sequelas comprometedoras que exigem cuidados delicados que tornam muito difícil tomar decisões políticas em uma cidade de grandr porte J Walter

  4. A "gripezinha" é adepta do caos. Qdo o paciente sobrevive, tem de encarar sequelas relacionadas com o coração, pulmões e rins. Não raro, passa a sofrer de doenças mentais graves, como temos observado. Felizmente, Papai Noel promete chegar com seringas e vacinas, desbancando o cacique-mor do País, o novo coronavírus. A seguir, vem Janeiro/21, com implicações constitucionais relevantes. E, motivo de grande esperança, 2022 não tarda! Atenção, já divisaram mouro na costa! Como andam os passaportes?

  5. Vejo q o candidato a vice é palerma, mas presumo estar torcendo pelo infortúnio do Maguito para conquistar o posto. Vade retro, satanás!

  6. Pergunto se o médico negacionistas da Ciência, Osmar Terra, também está hoje entubado? Ou se a Cloroquina reicetada pelo Dr. Bostanardo funcionou nele? Ninguém fala mais desse triste personagem.

Mais notícias
Assine 7 dias grátis
TOPO