Reprodução

Vídeo: a suspeita de John Bolton sobre os chineses

09.08.20 16:09

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. Muita tristeza, ñ tem como ñ se sentir "isentão", omisso. A classe trabalhadora, a classe média venezuelana, reconhecem que perderam o "time", sabem que é de sua inteira responsabilidade, nas suas barbas e saias, o golpe comunista se procedeu. Argentinos certanente já correm atrás do prejuízo. Neste Brasil pandemico o processo é o mesmo. Brigo com meu irmão q é 70%, enqto as posições vão sendo tomadas pelo crime organizado. A PRESTAÇÃO DE CONTAS c o CONGRESSO é inevitável, constitucional.

  2. Bobagem, a Venezuela entrou numa fase de sem retorno, quando quiserem lhe convencer que a ditadura de Maduro está com seus dias contados, lembre-os de que Cuba já está assim há mais de 60 anos, Coreia do norte, desde a decada de 40, por um simples motivo, regimes que não tem escrúpulos para matar e encarcerar os discidentes, tendem a se perpetuar.

    1. Também concordo plenamente com você .As ditaduras permanecem tempo no poder......infelizmente.

  3. e infelizmente é só uma Intervenção militar americana , para salvar o povo venezuelano do genocídio que vem causando o monstro Maduro, enquanto o mundo assiste passivamente esperando um milagre acontecer enquanto milhares morrem.

    1. Não temos que intervir. Os venezuelanos é que tem que decidir se continuam a submeter-se à ditadura de um partido, personalizada por Maduro, ou buscarem a liberdade por todos os meios. Enquanto o partido submeter os cidadãos ao julgo pela fome, pelo cárcere e pela força, não veremos nada diferente de Cuba, Coréia do Norte, e congêneres. Força às organização da sociedade que quer ser autonomia, justifica e liberdade.

Mais notícias
Assine
TOPO