Adriano Machado/Crusoé

Guedes cai na real

O ministro se esforça para aprovar uma reforma da Previdência de 1,2 trilhão de reais, mas a resistência é grande ao que seria uma revolução. E políticos e mercado já não se assustam quando ele diz que pode sair
07.06.19

O ministro da Economia, Paulo Guedes, foi ao Congresso nesta semana para defender pela quinta vez em cinco meses a sua reforma da Previdência em um ambiente muito distinto da primeira. Não havia aglomeração de pessoas na entrada da Câmara. O número de seguranças, jornalistas e curiosos era muito menor. Dentro do plenário 2 no corredor das comissões, onde ele falaria em uma reunião conjunta das comissões de Finanças e Tributação, Educação e Seguridade Social, grande parte das cadeiras estava vazia. Em pouco mais de seis horas, quase nenhuma provocação foi feita contra ele. Muitos parlamentares que faziam perguntas saíam antes de ouvir a sua resposta. Em vez dos tumultos e grandes embates que marcaram as suas outras visitas ao Legislativo, alguns bocejos.

Mais do que ninguém, Guedes sabe da necessidade de uma reforma da Previdência de verdade. O ano já chegou ao meio e a economia brasileira flerta com a recessão. O PIB do primeiro trimestre caiu 0,2% em relação ao período imediatamente anterior. A taxa de desemprego, que era de 12%, hoje está em 12,5%. Os brasileiros voltaram a sacar mais da poupança do que a depositar. Pesquisas apontam redução drástica na taxa de otimismo em relação à economia — seja da população como de investidores. Políticos e servidores públicos corporativistas, contudo, dão as costas para o cenário devastador. Continuam a defender os seus interesses e privilégios com unhas e dentes, tentando diminuir a economia que a reforma pretendida por Guedes — de 1,2 trilhão de reais, em dez anos — proporcionaria a um governo cada vez mais endividado e sem capacidade de investimento.

No Congresso, o consenso é de que se fará uma reforma, porque o abismo econômico está se alargando. Mas, com o projeto de Guedes desidratado, ela deverá representar uma economia de cerca de 700 bilhões de reais em dez anos. Meio trilhão a menos do que o almejado pelo ministro. Ou seja, o país apenas adiará a explosão de uma bomba atômica. A convicção de que uma reforma será feita de qualquer forma, mesmo que insuficiente, desinflou a figura de Guedes. As ameaças de abandonar o posto já não assustam tanto. Depois da divulgação de uma entrevista recente, quando sugeriu que, se a sua proposta não passasse integralmente, poderia deixar o cargo, a Bolsa de Valores de São Paulo e o dólar permaneceram estáveis. Indagado sobre a declaração de Guedes, o presidente Jair Bolsonaro disse que o único insubstituível no governo era ele próprio, Bolsonaro. O presidente da Câmara, Rodrigo Maia, comentou: “A gente que está na política há muitos anos sabe que ninguém é insubstituível”. As declarações abriram espaço para especulações de todo o tipo. Desde que o ministro estaria pronto a abandonar logo o barco, até que o presidente não considerava mais o seu “Posto Ipiranga” uma peça essencial para obter a confiança dos setores produtivo e financeiro do país.

Guedes não quis falar com Crusoé. A sua intenção, contudo, é a de segurar o rojão até o final — o que é ótimo, dados o seu preparo e a sua vontade de modernizar o Brasil. “É mais fácil Bolsonaro renunciar do que ele pedir para sair”, disse um amigo do ministro à revista. No segundo semestre, Guedes pretende liderar a aprovação da reforma tributária e a revisão do pacto federativo, que seria basicamente descentralizar recursos da União em benefício de estados e municípios. Essas reformas, ele acredita, são mais fáceis de serem aprovadas por gerarem bônus e não ônus, ou a impressão de ônus, à população. Quanto à Previdência, o seu entorno ainda aposta em algo próximo ao 1 trilhão de reais, mas o fato de o ministro querer incluir no texto a ser aprovado nas próximas semanas um gatilho para uma segunda reforma da Previdência é o mais vistoso sinal de que ele já caiu na real quanto à impossibilidade de aprovar o seu projeto na integralidade. “A nossa ideia é, imediatamente após a reforma da Previdência convencional, começar a conversar aqui sobre propostas de um sistema novo para acumulação de poupança”, declarou Guedes. A ideia é obrigar o Congresso a debater em futuro relativamente próximo a capitalização, sistema pelo qual cada cidadão contribui com uma espécie de poupança pessoal para garantir a sua aposentadoria.

Adriano Machado/CrusoeAdriano Machado/CrusoeO ministro em uma das idas à Câmara: sessões antes lotadas se esvaziaram
É grande o incômodo do ministro com os desarranjos do PSL, partido do presidente, e a falta de articulação política do governo. Em conversa recente com um parlamentar de outro partido, o ministro desabafou: “Que diferença entre você e a minha bancada…”. Na sua avaliação, a falta de unidade do PSL e a reação contrária de integrantes da sigla à reforma (inclusive com a apresentação de emendas ao texto) foi determinante para que o produto final acabasse sendo distinto do inicial. E, claro, a inexperiência política dos parlamentares da legenda não vem ajudando. Um exemplo citado pelo entorno do ministro: a líder do governo, Joice Hasselmann, foi ao Maranhão, no final de semana passado, para participar de um seminário pró-reforma. Uma vez lá, gravou um vídeo transitando por uma estrada em péssimas condições e cobrando soluções do governador Flávio Dino, do PCdoB. Resultado: a bancada do Maranhão, em sua maior parte próxima a Dino, reclamou com o governo. E se já não tinham boa vontade em aprovar a reforma original de Guedes, o sentimento só piorou. O que mais irritou os parlamentares: a estrada filmada por Joice é federal, não estadual.

O ministro também está longe de estar satisfeito com o ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, que não estruturou uma base aliada sólida capaz de aprovar a reforma sem que ela fosse desidratada. O ministro da Economia se irritou inúmeras vezes com o fato de ter de assumir um papel que a seu ver não lhe cabia. Em um encontro em maio com integrantes da Comissão Mista de Orçamento do Congresso em seu gabinete, para tratar da votação do crédito suplementar de 248,9 bilhões de reais, Guedes telefonou para Onyx e pediu que ele recebesse o presidente do colegiado, senador Marcelo Castro. “Tem que resolver isso, senão o governo vai apagar”, disse ele a Onyx, que finalmente resolveu atender o senador. Hoje, o ministro está muito mais próximo do Centrão (sim, é isso mesmo), de integrantes do Novo e de Rodrigo Maia (sim, é isso mesmo), do que da sigla de Bolsonaro.

Agência BrasilAgência BrasilPaulo Guedes e o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia: proximidade com o deputado é maior do que com o PSL
O mercado, por seu turno, já parece ter precificado que Guedes não conseguirá entregar o que prometeu. “O que Paulo Guedes propõe é uma revolução. Parte do mercado até está frustrada, mas na minha visão era uma ilusão achar que ele entregaria tudo”, diz André Perfeito, economista-chefe da Necton Investimentos. “As intenções foram boas, mas normalmente há diferença entre intenção e gesto. Guedes tomou um banho de realidade. Descobriu que sabia menos do que imaginava. Ele dizia ‘Vamos liquidar o déficit em um ano’. Não é assim que funciona”, afirma Alexandre Schwartsman, ex-diretor de Assuntos Internacionais do Banco Central. Segundo ele, a equipe econômica precisaria já ter apresentado com mais detalhamento os próximos passos a serem dados, depois de feita a reforma da Previdência. “Gostaria de ver quais serão as outras iniciativas. Como será a reforma tributária? E quanto às privatizações? O que se tem é muita conversa e pouca ação.”  (Em relação às privatizações, justiça seja feita, Guedes empenhou-se pessoalmente em fazer com o que STF aprovasse a venda de subsidiárias de estatais, sem necessidade de aprovação do Congresso.) No geral, neste meio não há mais tanto medo de perdê-lo, desde que um eventual substituto seja alinhado ao seu ideário. O secretário do Tesouro, Mansueto Almeida, é um nome que agrada.

Ninguém do mercado, contudo, quer ver Guedes fora. A sua declaração de que poderia deixar o cargo não afetou Bolsa e dólar, mas foi mal digerida por gente pesada do mercado financeiro. O sentimento geral é de que um ministro da Economia não pode ter arroubos, principalmente quando o assunto é ele próprio. A sinceridade de Guedes é um dado incontornável — e, não raro, apreciável — da sua personalidade. Na sessão desta semana na Câmara, ele foi questionado sobre um artigo recente de André Lara Resende, um dos formuladores do Plano Real, que punha em xeque os fundamentos da teoria ortodoxa macroeconômica, da qual Guedes é adepto. O ministro reagiu: “É um economista interessante. Ele apoiou o congelamento de preços no Plano Cruzado, apoiou o congelamento de ativos financeiros no Plano Collor, depois apoiou o Plano Real, que foi bom na parte monetária, mas criou esse endividamento em bola de neve que nós sofremos hoje, depois defendeu a dolarização da economia brasileira. Ele muda de ideia com alguma frequência. Sem fundamentos, eu não consigo debater”. Em seguida, completou: “Eu já debati o que tinha para debater com esse pessoal nos anos 80, quando eles jogaram o Brasil para uma hiperinflação. Ali eu já gastei a minha cota de debates com eles. Eu prefiro debater com os senhores aqui”.

O primeiro grande resultado deste debate será visto na próxima segunda-feira, quando o relator da proposta, Samuel Moreira, deve apresentar o texto a ser votado pela comissão especial. Já é certo que as mudanças no Benefício de Prestação Continuada e na aposentadoria rural não constarão do documento, bem como a capitalização. Há, porém, uma série de dúvidas. Uma, se estados e municípios entrarão na reforma ou não. O relator pretende, até agora, mantê-los no texto e deixar para os próprios deputados o ônus da eventual exclusão. Na última quarta-feira, 25 governadores assinaram uma carta em defesa da permanência de estados e municípios na reforma, contra os interesses meramente eleitorais de parlamentares. Outra dúvida é o alcance da regra de transição. Por fim, se professores serão incluídos na reforma. Pela proposta do governo, professores homens e mulheres teriam de cumprir idade mínima de 60 anos para se aposentar, mas com 30 anos de contribuição. Hoje, as professoras conseguem se aposentar aos 50 anos (com 25 anos de contribuição) e os professores aos 55 anos (com 30 anos de contribuição). A pressão de corporações de todo o tipo, especialmente a de servidores federais, quer impedir a qualquer custo que a revolução de Guedes ocorra. E o custo será enorme. O ministro da Economia conhece bem essa realidade. Guedes caiu foi na real de Brasília, a ilha da fantasia que insiste em projetar as suas sombras sobre um país sedento por menos impostos, mais investimentos e milhões de empregos.

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

O maior e mais influente site de política do Brasil. Venha para o Jornalismo independente!

Assine a Crusoé

CONFIRA O QUE VOCÊ GANHA

  • 1 ano de acesso à CRUSOÉ com a Edição da Semana: reportagens investigativas aprofundadas, publicadas às sextas-feiras, e Diário, com atualizações de segunda a domingo
  • 1 ano de acesso a O ANTAGONISTA+: a eletrizante cobertura política 24 horas por dia do site MAIS conteúdos exclusivos e SEM PUBLICIDADE
  • A Coluna Exclusiva de Sergio Moro
  • Podcasts e Artigos Exclusivos de Diogo Mainardi, Mario Sabino, Claudio Dantas, Ruy Goiaba, Carlos Fernando Lima e equipe
  • Newsletters Exclusivas

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. brasil: país Sem futuro! depois q acabou o regime militar, vejam: José Sarney, Fernando Collor, Fernando Henrique, Luís Inácio, Dilma, temer, Bolsonaro q tá mais perdido do q cego em tiroteio. quem os elegeu? os valores do povo brasileiro. assim, ninguém tem do q reclamar. são corresponsáveis. fico com Roberto campos: Cumbica e Galeão.

  2. Caio Junqueira, você é muito petista, dá raiva de ler o que você escreve, se está contra o Brasil, vai embora daqui. Você só sabe implantar discórdias, pare de contar mentiras, seu jornalista partidário, isso é falta de ética!! Por essa e por outras é que não continuarei com a assinatura dessa revista fraudulenta!!

  3. Triste desfecho, a ilha da fantasia projetando suas sombras sobre o pais devastado pelos desgovernos e ainda assim esperançosos com um pais melhor! E as corporações os servidores federais fazendo de um td para atrapalhar as reformas do Guedes! Ou seja um pais ingovernável, como sempre foi!

  4. É triste ver um Paulo Guedes dando explicações (ensinamentos) para um bando de habitantes do pântano que emporcalham e afundaram o Brasil. A escória do país quer vê-lo longe do cargo, para voltar a roubalheira de sempre, a sem vergonhice costumeira e o eterno atraso e destruição da Nação.

  5. Gostaria que a Crusoé entrevistasse a Maria Lúcia Fatorelli. Ela teria muito esclarecimento a dar sobre o outro lado da moeda.

  6. Esse projeto de uma nova Previdência é arrojado demais . A nossa Previdência é um patrimônio do povo A sua capitalização num país inseguro como o nosso seria desastroso. Vários ajustes deverão ser feitos e o montante que o Guedes almeja deve vir também de outros setores , não só da contribuição do trabalhador.

  7. Eu espero que o Sr Paulo tenha resiliência para suportar as pressões e constância em seu / nosso propósito de mudar o rumo da história recente da economia para uma posição liberal como deve ser.

    1. Eu tbm espero que a resiliência dele em promover as mudanças seja maior que a dos congressistas em obter vantagens para aprovação das propostas. É realmente um cabo de guerra.

  8. Temos idéias e competência para aplicá -las este governo tem um time excelente o que nos falta é o desinteresse dos grupos de poder e das quadrilhas políticas para executa-las aliado também à inércia da população de zumbis e esquizofrênicos que não tem conhecimento da realidade do país e ainda querem ter um Estado grande e ineficiente que os sustentem.

  9. Em resumo: Guedes é extremamente competente e quer modernizar o país, enquanto boa parte dos Congressistas não passa de abutres.

    1. O que eles (Congressistas) querem é o toma lá dá cá.

  10. Nós, ingênuos cidadãos otários, pensávamos que, com o "nosso" Maduro na CADEIA, conseguiríamos avançar!! Esquecemos que "o poder emana do povo!" e é o povo quem elege essas quadrilhas.. Além do que, no Brasil, o crime organizado funciona a partir dos presídios!! Como assinante, espero da CRUSOÉ menos ingenuidade..

  11. É triste ver um homem, como Guedes, com tanta gana para colocar o Brasil numa situação favorável para os investidores, não ter condições para ir avante.

  12. ...o titulo esta errado..melhor seria URUBU ..KKkk .sai pra lá ..magalarga tres vezes...sai urubu..praga de urubu cai no mesmo ..... kkkk cruzóe cada vez mais esta sem sexta feira...esta pregando no mar aberto ..só urubus e gaivotas asistindo ..kkkkkk

  13. Você põe a estabilidade do Ministro em cheque, dá um peteleco na orelha da Joice de leve, acena para um namoro do Ministro com o centrão etc. Quanta credibilidade...

  14. ASSIM COMO ESTA SENDO ENCAMINHADA A REFORMA PREVIDENCIÁRIA,, EM QUE OS PRIVILÉGIOS SERÃO MANTIDOS, OS APOSENTADOS E PENSIONISTAS, EM CURTO ESPEÇO DE TEMPO NÃO RECEBERÃO MAIS SEUS BENE

  15. Querem combater JB mutilando a Reforma, independentemente se precisar fazer outra em pouco tempo. Não importa o país e o povo! Ou seja, como a oposição (mais precisamente os partidos de esquerda) foram apeados do poder, e não ha outros argumentos de combate, usam a previdência como ira ao governo atual. São tão covardes que nem querem saber de seus filhos e netos. O que vale é o aqui e agora! O antipatriotismo está entranhado no Congresso. "SEM O MEU NÃO TEM NEGÓCIO".

  16. Ditadura do parlamento. Se nossos proprietários, os Srs. Congressistas, quiserem recessão, recessão teremos. Estúpida e absoluta inversão de valores.

  17. Se realmente a Reforma da Previdência não for aprovada pelo Congresso.......o Brasil Continental vai virar uma "bomba atômica" ......o mundo está ansioso e tenso no sentido de querer investir $ 30 trilhões de dólares no Brasil........seria o fim do desemprego de mais de 30 milhões de brasileiros desempregados........seria a retomada do crescimento e desenvolvimento sustentável do Brasil Continental.....pois o mundo não consegue "entender" as leis do Brasil...o nosso Congresso está contaminado...

  18. Continuando : A Reforma é necessária se atender a uma lógica de sobrevivência do Regime : só receberia o benefício quem comprovasse que contribuiu ( fonte de custeio) e aumentar a idade Mínima que me parece vital. O restante é benéfico apenas ao mercado financeiro . Aliás , como justificar que o auxílio reclusão permanece na PEC 06/2019.?

  19. O Congresso age como proprietário dos brasileiros. Ter ou não recessão depende apenas do Congresso. Inversão absoluta de valores! Uma ditadura parlamentar.

  20. Penso eu que vocês lêem todos os comentários. Então sugiro que organizem o procedimento de reportar os fatos. A imagem da foto do ministro já dá o tom.

  21. Eu penso que a revista tem a oportunidade ainda de esclarecer os fatos reais e apresentar qual é o raciocínio correto da equação na economia. O Mercado é volátil por natureza sempre se adaptará. o Momento é importante. Até quando teremos mais de mesmo. Sugiro aulas de jornalismo com Alexandre Garcia.

  22. Gastar 4 trilhões em 16 anos pode. Economizar 1 trilhão em 10 anos NÃO pode. Penso que o raciocínio do autor do texto anônimo tem toda razão.

  23. A reforma da da Previdência precisa incluir TODOS os políticos e magistrados, equiparando-os ao resto do povo. Não podem continuar gozando de privilégios. Se isto não acontecer agora, é melhor ir embora do Brasil.

    1. Já penso nisso seriamente. tenho 4 filhos e nao sinto um país forte para continuar aqui com eles.

  24. Bolsonaro escolheu um craque, um expert, jamais tivemos tamanha competência nessa área. Em meio a mudanças trazidas por esse governo, a velha política resiste à mudança, e ironiza. Deus permita que essa nova proposta ao país dê certo.

  25. Quem caiu na real foram os parlamentares, a oposição. Não há escapatória, a reforma vai sair. O desinteresse da oposição é do mesmo tamanho da falta de argumento. Perceberam que a ceifada ocorrerá nos escalões superiores. O Guedes deu o recado: disse que há plano de governo e o detalhou, e deu o percentual das emendas 70/30 para os privilegiados. Ponto final.

  26. Demoraremos muitos anos até que nossos parlamentares comecem a agir pensando no país, e não em seus interesses. Pena não poder estar vivo para presenciar.

  27. Triste país em que políticos corruptos querem manter seus privilégios mesmo que isso signifique uma catástrofe humanitária. Temos, pela primeira vez em 30 anos, um Presidente que está verdadeiramente empenhado em levar o país à modernidade e à justiça mas é sabotado diariamente pelo SISTEMA (políticos, judiciário e mídia esquerdopata).

  28. O problema não é o ministro e sim essa corja desse congresso e vcs ficam criticando o ministro que é uma pessoa séria e quer consertar o país que esses petistas e psdbistas destruíram junto com esses pmdbistas fisiológicos.

  29. Quem já caiu na real foi o BRASIL pois. ,seu comentário é patético, em um país na merda então que é importante é a fofoca , a estrada do Maranhão e outras asneiras ? Como se o MINISTRO fosse o louco e o resto Gênios. As vestais MALAN e outros sérios , fugiram da luta e os políticos com empresários formaram o ESTABLISHMENT.

  30. Se o congresso em quase seis meses sequer votou a reforma da,previdência vai esperar o que desses políticos ordinários e corruptos que só atrapalham a nação, não tem como governar o País com um congresso e um senado assim é de quebra o STF também querendo governar também, sem uma Intervenção militar só vamos afundar cada vez mais, quem tem condições saia do País, se eu fosse mais jovem iria embora.

  31. Paulo Guedes está fazendo o trabalho dele com competência e dedicação. O que a equipe econômica fará depois, se a reforma for aprovada, isso é com eles. Uma casa desarrumada, sem dinheiro em caixa, o que você faria?

  32. Realmente Guedes caiu na real, real que os políticos corruptos, juntamente com os jornalixos corruptos, estão tentando impedir o avanço do Brasil. Mas não vai adiantar nada esses canalhas torcerem contra ....

  33. Ha’ 4 semanas atrás o governo tinha acabado. Agora R$ 700 B e’ “meia-boca” e o Paulo Guedes nāo sabia que haviam centenas de picaretas em Brasília ? E o Onyx e’ incompetente porque não conseguiu formar uma base, porque ninguém faz nada sem um “faz-me rir” ???? O Caio Junqueira, você tem uma semana para escrever um artigo: se você está sem ideias - liga para o Claudio Dantas, que ele te da’ uma mãozinha, talkey ? Semana que vem tem mais, vamos ver.

  34. Infelizmente não dá para dizer outra coisa que, temos verdadeiros canalhas na política. Seus salários vultosos estão sempre em dia, sem contar as benesses. Mas o que mais revolta, é que não estão nem aí se seus eleitores estão passando fome e humilhação. Por conta de suas fortunas traem seus eleitores do Brasil. Como cristão, espero que eles e seus filhos e netos não passem pelo que passamos. Embora tenha certeza que venderiam a mãe para manter suas espúrias conquistas financeiras.

  35. Esperamos os ratos, decidirem sobre nosso futuro. Esse é o Brasil, sub-raça que elege vagabundos e acreditam que Deus é brasileiro. Não acredito nesse país. Com esses vermes roubando e enganando a sub-raça.

  36. E se colocassem os militares para contribuir também, e injusto a arrecadação dos militares ser transformada em beneficio para os próprios militares.

  37. Pelas minhas contas temos 3 ministros, o resto e' estagiario. Guedes, Moro e Tarcisio comandam a agenda positiva do governo. Guedes tem uma tarefa herculea e luta praticamente sozinho pra aprovar as reformas mais importantes do pais. Eu ja estou na base do "mexeu com ele mexeu comigo".

    1. Eu também, Leandro. Fico revoltada com essa corja que tenta desconstruir um homem inteligente e capaz, que quer realmente o bem do país.

  38. Convenhamos, o ministro Paulo Guedes é uma das pessoas mais inteligentes que temos hoje no Brasil. Didático, seguro, firme, realista, sabe tudo de economia e do que é melhor para nós. Uma pena que tenhamos tantos palpiteiros além de uma grande maioria de deputados e senadores semi analfabetos e analfabetos funcionais que só pensam no próprio bolso. Oh raça!

  39. Quando os militares juntaram as caixas de aposentadoria com os inss da vida, criando a seguridade social, que é o maior orçamento da união, começaram os saques para fazer obras grandiosas e deu no que deu. Hoje o governo amortece os juros da divida pública que cresce assustadoramente desviando os recursos da seguridade social, que é uma sangria de 30% da arrecadação apelidada de desoneração.Acredite se quiser. !!!

  40. Caio Junqueira. Apontar somente " erros" só de um lado ! Câmara. senado e judiciário não estão contribuindo ? Fica evidente p/ leitor .... se a reforma não for aprovada integralmente a culpa é do P. Guedes.

  41. Se a reforma da previdência não sair conforme a necessidade do país, quem vai pagar são milhões e milhões de brasileiros. Guedes faz suas malas e sai numa boa, pois não precisa desse cargo. É triste ver tantos xingamentos e críticas para quem luta para melhorar a vida dos que estão sendo renegados por uma minoria privilegiada.

  42. Depois que o Guedes disse que a proposta de ter uma moeda única com a Argentina é dele passei a vê-lo de outra maneira. Não é o salvador da pátria como aspira a ser, mas mero figurante do "essa ideia é minha" ou "fui eu que propus", ou seja, cultor da personalidade própria. A propósito não acredito que a dívida atual do país tenha a ver com o Plano Real e sim por causa dos gastos excessivos dos governos anteriores, mormente pelos esqueletos de obras incompletas que existem aos montes no país.

    1. Alguem tem duvida q td ideia economica e'dele, qdo ate o JB confessa q nao entende nada de economia? Estamos vivendo uma tregua de dois loucos - o filho e o guru - q pregavam uma teoria conspiratoria insana e agora vamos crucificar o cara q mais trabalha nesse governo? Se nao puderem ajudar, pelo menos nao atrapalhem, por favor.

  43. Vejo um homem patriota, querendo ajudar seu Brasil, este é Guedes. Infelizmente o congresso e o STF na sua maioria querendo continuar na sua mordomia, pouco ou nada preocupado com o Brasil. Cabe a cada um de nós agir contra este homens que querem nos escravizar. Chega de aposentadorias milionárias, chega de conchavos, temos que denunciar perseguir estes caras que enquanto o salario é de $1000,00 eles ganham ou roubam $ 70.000 ate 300.000,00. Como alguem neste perfil pode decidir o nosso futuro,

    1. Marco, concordo plenamente! Esses parlamentares não honram as calças que vestem. Não estão preocupados com o Brasil. Quando a pessoa é competente, ela é capaz de votar em prol do povo, independente se vai ou não ser reeleito, se for ótimo se não for segue sua trajetória! Vai trabalhar no que se formou.

  44. A capitalização do Paulo Guedes afronta a inteligencia dos trabalhadores brasileiros, até as crianças sabem que só a contribuição do trabalhador sem a contribuição do empregador, é um passa moleque porque quando o trabalhador ao se aposentar, não terá saldo suficiente nem para receber um salario minimo. Vai te catar Paulo Guedes cobra mandada dos empresarios e banqueiros.

  45. Cansei de ter esperança. Como tê-la com um Congresso IRRESPONSÁVEL que nunca se preocupa com o quê deveria ser seu principal papel, O BEM ESTAR DO POVO ? Cansei de pagar impostos exorbitantes, trabalhar metade do ano para manter CANALHAS no bem bom. Cansei de ver trabalhadores honestos ganhando miséria enquanto VAGABUNDOS (3 dias na semana) se sustentam com a miséria e desgraça dos humildes, sem pestanejar. Cansei de tentar iluminar a mente da massa de IGNORANTES cum curso superior. Avião...

  46. ..que seja feita a "revolução" que viabilize o Brasil e os afaste das mãos dos detratores da democracia e estado de direito.Dos corruptos e discípulos de ideologias espúrias recusada pelo "mundo civilizado".O povo cidadão irá as ruas apoiá-la.

  47. O projeto original do Min Guedes é o mais sensato e justo, pois equaliza de modo adequado e justo as contribuições que cada um deve realizar para efeito de aposentadoria. Todos, sem exceção, devem se submeter as regras da Previdência Social - regime geral, em especial os servidores públicos, civis e militares. É uma hipocrisia falar que a proposta atinge os mais pobres, quando na verdade a eles são as garantias (equalização justa em razão da falta de oportunidades - desde que trabalhe).

  48. Seria ótimo se todos que se manifestam na mídia, fossem precisos em suas informações. O Sr. Caio Junqueira informou que os " Professores" hoje, se aposentam: homens com 55 anos e 25 de contribuição; mulheres com 50 anos e 25 de contribuição. Como o ilustre articulista mencionou os Professores de maneira genérica, errou. A afirmação só é verdadeira para aqueles que labutam no Ensino Fundamental e no Ensino Médio. Tal regra não se aplica para os professores universitários.

    1. Ao Professores Universitários devemos MUITO dá situação na qual nos encontramos. Como “uma voz pregando no deserto”, desde os anos 70 tentei alertar, no meio educacional e governamental, o que estava acontecendo. Quantos me ouviram ? O resultado aí está. Desagregação social, deterioração do Saber, falta de verdadeiros LÍDERES, que a Escola deixou de formar. E o futuro ? Há... o FUTURO...

  49. Os textos da Crusoé estão perigosamente se aproximando dos da Globo atual. Segundo Maia, o (?) vice de Doria 22, só vão liberar p Guedes 700 bi. P Guedes? E aí!? "Não é assim q funciona", "era uma revolução e tds sabiam q ÊLE não ia entregar", o bobinho Guedes "tomou um banho de realidade", o çábio do Bco Central queria ver mais números..? O q há? Guedes fez e faz a diferença ou não?! O 'Centrão' da corrupção está pautando a Crusoé e é a realidade do BR?! Vcs estão na campanha Dória/Maia p 22??

  50. A diferença entre o R$ 1,2tri e os R$ 700bi é o custo para fazer a capitalização, q não é imprescindível. Sem ela os R$ 700 bi estarão de bom tamanho e não será uma reforma meia-boca como se diz.

  51. A reportagem choveu no molhado, fez previsão do passado. Resumir Paulo Guedes à reforma da previdência, é negar a mudança de rumo para liberdade econômica promovida por ele.

  52. Vejo muita gente aqui tratando Paulo Guedes como o gênio da lâmpada. Alguem aí pode me indicar um livro dele? Eu não encontrei nenhum.

    1. José, Einstein publicou as teorias da relatividade geral e especial, que revolucionaram a ciência. Está bom pra você?

    2. Tanto idiota publicando livros! Inclusive esses corruptos que estão atrás das grades! Quanta bobagem dita!

    3. Qual é mesmo o "nome" do primeiro livro publicado pelo físico Albert Einstein?...não consigo lembrar!

    4. livros publicados é parâmetro? tem tanto idiota publicando livros...

  53. Não podemos nos esquecer de que foram brasileiros, de um modo geral, colocaram no congresso as peças que hoje jogam contra a reforma. Concluímos que ou estes brasileiros são ignorantes e alienados ou se beneficiam desta situação.

    1. Aposto na primeira opção ! Somente nesse governo o Legislativo está tentando legislar, principalmente contra as MP”s. Pois muitos já disseram se aprovar tudo, a esquerda ficará anos fora do governo. Não estão preocupados com o bem estar do povo e sim continuar a infantilizar os cidadãos, com leis proibindo isso, proibindo aquilo, façam leis com penas pesadas e deixe o povo viver, sem ações coercitivas, com radares, bafômetros, cadeirinhas de crianças, agora provocou acidente, que arque conseq.

    2. Temos que elaborar uma lista e incluir esses deputados entre aqueles que serão expurgados em 2022.

    3. Não podemos esquecer que também muito deputado entrou de carona com o Bolsonaro, prometendo uma coisa, e agora no congresso, estão fazendo outra, olhando para o próprio umbigo.

  54. Sem as reformas o Brasil quebra mas se elas acontecerem e Guedes estiver certo, o país decola. Se o país decolar Bolsonaro se reelege e esse é o dilema dos maus políticos do Brasil. Agora só nos resta saber o tamanho da sabotagem.

  55. O maior problema do Brasil, são os Brasileiros, pois a única formar de mudar esse cenário é a população ir para as ruas em uma segunda feira, acampar e só sair de lá quando aprovarem o texto da forma como veio. Para o país, pq os Deputados e Senadores, fizeram do congresso um balcão de negócios. Está na hora do basta!

    1. Parece utópico, mas seria o ideal. Parar o país a cada sabotagem desse congresso indecente.

  56. Reportagem que nada acrescenta ao que já é sabido. Esperando que a reforma original se faça. Infelizmente, a sobreviver a mais um "tapa buraco", teremos o que também já é sabido. Câmaras de deputados e senadores cada vez mais distantes dos anseios de uma população exaurida. Corporativismo de sempre de todos os lados. Injustiça é só os pequenos pagarem pelos estragos que os grandes fazem . É muita abobrinha .... Já deu !

  57. Título atraente para uma reportagem medíocre. Nada acrescentou ao que já se sabe da reforma da previdência e trouxe ilações desconexas e contraditórias sobre a posição do ministro. O espaço poderia ter sido usado de maneira muito mais útil e interessante para tratar do mesmo tema.

  58. Só acho que Bolsonaro está muito omisso e indifennte qua as alterações na proposta original de Paulo Guedes vemham a desidradar drasticamente a reforma como necessária. Ele como pai da criança e teoricamente o maior interessado tem deixado a coisa correr frouxa enquato o pobre do Guedes se esguela de dar explicações na câmara. Todas as estrevistas de Bolsonaro quando perguntado sobre o assunto se limita a dizer que isso é com o congresso( Como tanto faz como tanto fez) .

    1. Bolsonaro foi inteligente, pegou nossas pautas e se elegeu, tarefa relativamente fácil p combater o q vimos desde José Sarney . É honesto ao montar um ministério combativo e capaz. Nenhum presidente governará este país aparelhado e doente terminal das ideologias nefastas impostas por corporações assassinas das famílias brasileiras, como rede Globo, Bancos Bradesco, JBF, todos com representantes em esferas altas do poder, no COAF etc. Tamo no caminho certo mostrando na rua o que nos interessa

    2. Vc é sua lâmpada maravilhosa deveria já ter entendido q quem está empurrando o processo, como pode, é o povo brasileiro que acordou desde 2.013, indo para as ruas ditando as pautas mínimas e dizendo o que não quer principalmente: governos de esquerda, corrupção, instituições aparelhadas como o STF, partidos políticos fisiológicos constituindo-se de ORCRIMs representadas p centrão e o pior, imprensa e jornalistas como estes aqui, encubados nos porões fedidos das universidades brasileiras.

    3. Aladim, concordo com vc. A reportagem é meio escorregadia: quer defender e atacar Paulo Guedes. Bolsonaro, por sua vez, não consegue manter foco na popularização das reformas. Fica viajando, recebendo crianças, andando de jetsky, preocupado que a Argentina não se torne uma Venezuela... E o tempo vai passando. É certo que a economia não vai bem, porque isso é herança, como sabemos. Mas Paulo Guedes é um grande economista e um grande brasileiro.

    4. Parem de implorar o Congresso. Bolsonaro segue em frente. Demora da Reforma da Previdência é do Congresso. Ministro pára de dar ração aos cães ! Os famintos irão buscar suas rações...

    1. Não precisa ser o "Papa" p tomar a atitude q tomou. Nunca vi uma reportagem tão inútil e q se presta apenas p retardar qq processo de mudança na economia do país. Ô q será tem na cabeça destes jornalistas brasileiros? Ou não tem nada? Eles foram nas últimas passeatas em favor das universidades?

  59. É inacreditável que o poder executivo, e seu ministério, as forças armadas brasileiras bem como seus governadores e prefeitos ainda tenham alguma dúvida quanto ao real objetivo desse grupo de parlamentares que, alegando estarem representando os interesses do povo brasileiro, estão roubando nossas últimas esperanças de viver em um país honrado e justo Na minha opinião o departamento de inteligência da PF deveria identificar esses anti-brasileiros e agir severamente, sob pena de caos total.

    1. Bravissimo Celso, é isso mesmo: traçar o perfil dos que desqualificam a reforma da Previdência e evidenciar o rabo preso e/ou a ignorância destrutiva dessas pessoas. A Hoffmann, que participou por anos do roubo sistemático de R$ 1 de cada empréstimo de aposentados, através do Sistema da Consist, amealhando fortuna, posa agora de musa da greve contra a reforma da Previdência. Acelerem-se processos e limpe-se esse meio de área.

  60. isso é matéria jornalística ou revista de fofoca??? frases fora de contexto, dados sem fontes, baseada apenas em especulações...e ainda sai como capa de revista?!?! Guedes já disse várias vezes quais os planos e metas para o governo/ministério da economia, um pouco mais de pesquisa e cuidado mostraria a completa inutilidade desta matéria

  61. Li alguns comentários abaixo, com os quais concordo, que questionam a afirmativa de números que não têm qualquer embasamento, como o de somente R$ 700 mil de economia com a reforma. Falta à Crusoé fundamentar suas reportagens, com gráficos, dados oficiais, citações etc., oportunidade em que, com sua espertice jornalística, poderia refutar dados e ideias com mais profundidade.

    1. Onde estão os dados oficiais , gráficos e citações que fundamentem o 1, 3 Tri? O amadorismo parece permear todo este governo.

  62. Paulo Guedes é brilhante. Tem que fazer esse jogo mesmo caso contrário a reforma mais próxima da que é necessária, não sai.

  63. O Brasil ainda está nas mão de bandidos. Causuistasas e inconsequentes querendo a todo custo manter os privilégios que eles próprios criaram para si. O povo quer e aprova a reforma proposta pelo governo. Mas eu, particularmente, estou anotando os nomes dos sabotadores dos planos do governo que são do interesse da nação a começar dos que votaram contra o COAF na Min.da Justiça e vou denunciá-los e seus partidos por ocasião das próximas eleições. Sugiro que outros também assim procedam.

  64. O corporativismo é muito maior que o interesse nacional. O governo sempre foi considerado uma entidade celestial capaz de prover do bom e do melhor seus abençoados súbitos. O povo é simplesmente o povo ou seja uma casta inferior. Infelizmente essa é a realidade.

  65. Situação paradoxal do ministro Paulo Guedes em sua meritória propaganda de acabar com privilégios através da reforma da previdência. Isso porque, atrelada à reforma um projeto de lei que reestrutura a carreira militar com promoções, aumentos e um pífio acréscimo na contribuição e, mesmo assim, escalonado. O interessante é que a matéria é ignorada não só pela imprensa devidamente cooptada, o que é natural, mas também por aqueles que não foram convidados ou desalojados do banquete previdenciario.

  66. A grande verdade é que ainda não admitimos e nem qeremos aceitar o corajoso processo de mudança que está em curso no país, tudo porque fomos contaminados em apenas acreditar nas mentiras da esquerda. Agora, ao abrirmos os olhos, vemos quão necessária é a mudança, sentimo-nos incomodados. A coragem com que ela está sendo aplicada, requer de nós a mesma coragem para defendê-la. Quem ganha é o Brasil.

  67. Crusoé está seguindo fielmente a pauta da globolixo ao apostar na desistência dos principais nomes do governo, com a clara intenção de desestabilizar, sendo óbvio que tal desestabilização apenas interessa aos setores mais corruptos do país.

  68. Fiquei com uma dúvida... O que embasa dizer que a reforma terá 700 bi? Não ficou claro. Foi uma pessoa que disse isso? foram várias? Eu posso estar sendo otimista demais, mas tudo que é importante para esse governo é alvo de muita especulação. Lembro que quando o Onyx resolveu apoiar o Alcolumbre todo mundo falava que o Renan Calheiros já tinha ganhado a presidência do senado. A própria reforma falaram que seria desidratada já na CCJ, e não foi. A ver. Oremos.

  69. Não é o Guedes que deve cair na real, a imprensa sempre diz que a realidade é outra e nunca diz exatamente qual é a realidade, sempre procura desvalorizar(talvez p/antipatia ideológica) as ações do novo governo. Numa democracia é o povo que deve cair na real(e a imprensa não vai ajudar) e não votar jamais nessa corja que atrapalha.

  70. Quando O Antagonista ou Crusuoé generalizam o servidor público, apontam o dedo na cara de muitos trabalhadores, como milhões de brasileiros, que moram em apartamentos pequenos e afastados, pegam consignado para pagar as contas, e só querem fazer seu trabalho, como qualquer outro trabalhador. No DF, lar de inúmeros servidores, federais ou distritais, Bolsonaro (e seu posto Ipiranga e a reforma, por tabela), tiveram 70% de votos no 2º turno. Parem de malhar o judas errado, é isso que eles querem.

  71. Estamos atento, aprendemos a gostar de politica, aprendemos cada dia mais a reconhecer o politico safado, temos conciencia de que os esquerda comunistas do PT PSOL PCdoB PDT PV Rede outros querem apenas sugar o Brasil, sugando nas tetas das estatais, escravizando o indio, negro e as minorias. somos um só povo, unidos somos forrtes e dividido como os comunistas querem somos fracos. Brasil acima de tudo e Deus acima de todos.

  72. O assunto está empacado! O Brasil caminha, ou já está como diz o ditado" Casa onde falta pão, todo mundo grita e ninguém tem razão"

  73. Não cabe nem na cabeça de uma formiga que um Deputado , que entra na política para fazer a América ( $$$$$ ) vai assinar uma lei para ele mesmo ficar com uma aposentadoria de R$ 5.500 , reais. Veja , a política nos " campanários " só serve para sustentar as famílias tradicionais. Na esmagadora dos Municípios brasileiros as rendas são desviadas para os familiares dos políticos e os Deputados são frutos dessas mazelas. Na conversa eles não mudarão.

  74. Sou funcionário público federal e apoio a reforma. Sei que muitos dos meus colegas a apoiam. O problema é que só os sindicatos têm voz, e nós já sabemos o que dizem.

    1. Exatamente. Os sindicatos falam inclusive por não sindicalizado. É terrível.

  75. Ouçam - me . Uma verdade não exclui a outra . Não é porque a reforma é absolutamente necessária, que do dia pra noite todos os direitos dos servidores possam ser simplesmente tratados como “privilégios corporativos “ . Tem -se que debater um por um dos problemas mas lhes asseguro que existem sim muitas injustiças propostas na reforma . Se elas são necessárias , bom entao chame o servidor a negociar , talvez por algo no futuro , peça seu sacrificio mas nao o tratando como um vilao um bandido !

  76. A realidade é uma só não querem a reforma uns por medo de perder eleitores nas próximas eleições outros por que se fizerem a reforma segundo PG temem a reeleição de JB como o Maia é um traíra que joga como lhe convém acena pro PG e nos bastidores articula com o Centrão a reforma se não anda não é por falta de "articulação" nem de base falta boa vontade por parte com congresso Simples assim. Porém se por lá tiver uma medida que os ampare votam até na ausência de presidente não enganam mais ningué

  77. ... e os governantes colocam dentro da Previdência, tudo para fazer média, mas sem contrpartida.. isto que não é Previd. é para ser colocado na conta do Tesouro, mais, aí não dá pq não poderão enfiar a mão e se forem presos, ficam no máximo 1 ano e voltam para casa para desfrutarem do dinheiro surrupiado do povo. Problema é a crise moral!

    1. Exatamente como penso. A CF88 só pensou em distribuir benesses, sem nenhuma contrapartida dos que foram abrigados pelos benefícios. Resultado: Gradativas aumentos da carga tributária para equilibrar o orçamento. Agora, quando o povo não aceita mais aumentos o País está quebrando ou quebrado. Precisamos de todas as reformas já é de forma técnica vê não política.

  78. O problema ñ são os funcionários públicos q pagam na totalidade do salário bruto e continua pagando, mesmo, aposentado.Tem regime próprio e ñ pertencem à Regime geral da Previdência Privada. O q acontece é q o empregador, Município, Estado, União ñ pagam a parte deles e, ainda, sacam tudo, assim como fazem com a nossa RGPS e enfiam dentro dela tudo o que ñ é matéria de Previdência, ex: bolsa família, pensão p/ pessoas que ñ têm quem o sustente, ex: LOAS, rurais, isto é problema do

  79. Um deputado custa mensalmente 587 mil reais. São 513 deputados mais 81 senadores, grande maioria, envolvidos com a corrupção , lava-jato. Com a internet, celulares, o povo pode votar diretamente as Leis, assim, só precisamos de Executivo e Judiciário e povo exercerá diretamente o seu poder e não precisará destes intermediários que entram na política para se enriquecerem. Basta de colocar o Brasil nesta penúria, enquantos eles se deleitam!

  80. Mais uma excelente reportagem! Que triste ver a maior parte do Congresso, funcionários públicos do Judiciário, Executivo, somados a casta do MP agarrados nos seus privilégios. Bolsonaro é o primeiro que deveria optar e renunciar as suas aposentadorias.

  81. Se o crédito extra não for aprovado, Guedes não deve sair de jeito nenhum, é ele que tem que afundar o navio. A única hipótese dele sair, se ela existe, é caso o Congresso realmente vá aprovar o crédito suplementar, mas com uma reforma mais magra.

  82. Enquanto estamos lutando com todas as nossas energias para sustentar empresas, empregos, aposentadorias, gerando empregos, viabilizando investimentos, os parlamentares estão legislando em causa própria. A previdência existe num cenário de total desigualdade gerando um déficit insustentável justamente por beneficiar com altas aposentadorias e pensões uma parcela considerável da sociedade, especialmente os parlamentares. Não existe interesse em aprovar na íntegra, garantido ainda a reeleição .

  83. Essa corja de safados, com algumas exceções, que formam a Câmara Federal custam uma fortuna para o país e não fazem nada por ele nem quem paga as suas farras legislativas. Os caras estão um tempão para resolver sobre a Previdência e não resolvem nada ficando apenas chamando o Ministro, que não é vagabundo que nem eles, para falar sempre a mesma coisa e quase para as mesmas pessoas. Fazem esse carnaval todo na tentativa de forçar o Presidente a ficar bajulando os safados ou voltar a abrir o cofre

  84. Crusoé remando e na torcida contra o Brasil. Infelizmente estou preso a essa porcaria de assinatura que não aceita cancelamento, já não leio mais, não confio. Não me importo de dar essa gorjeta de 12,90... Terminou, ACABOU... A história da Veja se repete.

    1. Já tentei fazer o cancelamento direto com a revista, disseram que é um contrato. Eu não assinei nada, segunda é PROCON. Obrigado pela sugestão que serve para outros assinantes da Cruzo é Uma Veja.

    2. não existe essa de não aceitar cancelamento!!! lei do consumidor.

    3. Tenho a mesma sensação do amigo. Penso que não deveria ter aceeditado nas falácias promocionais dessa (r)evista. Enganadores oportunistas!!!

  85. A não ser que a reforma saia no primeiro trimestre, o que parece impossível, seria bom se ocorresse uma manifestação a favor da reforma contando com a presença do ministro, um pacto pode ser feito de diversas formas. Se ele, em um evento público declara o valor que ele considera necessário e o que será feito com ele, está estabelecendo uma cláusula com a sociedade registrada na história. Se o Congresso não cumpre com a parte dele e entrega menos, Guedes está livre para ir embora.

  86. Se Guedes caiu na realidade; "na real de Brasília", ai de nós e, de resto, do Brasil que paga, bravamente, a conta dessa dita "pressão de corporações" e de políticos.

  87. Vocês da Crusoé não estão ajudando em nada com essas matérias, estão entregando o governo aos lobos! Estou começando a acreditar que estão flertando com o parlamentarismo!

  88. fica difícil mudar, pois cada um vive em toreno do própri umbigo. ninguém é capaz de ceder em benefício do coletivo. Muito desanimador.

  89. Pelo amor de Deus ! Socorro ! O país está parado e vocês jornalistas e deputados discutindo o sexo dos anjos !!!!!chega porra ! Precisamos urgente que as reformas venham já !

  90. Nada é fácil na política brasileira pq eleitores e eleitos ñ teem compromisso com sua pátria. O resto é conversa fiada.

  91. Isso que estamos vendo e vivendo não é uma democracia. Centenas de parlamentares bandidos com destaque para os dois crápulas que estão na presidência votando contra o Brasil e a favor deles mesmos com a luxuosa leniência do STF que só trabalha a favor da impunidade. Atrasam sem constrangimento a votação do que é necessário, pois não há articulação que sabemos que é $$$$$$$

  92. O que esse parlamento não entendeu ainda ,é que se a reforma não passar como Paulo Guedes quer , toda a culpa vai cair sobre eles .O povo não quer nem saber se faltou articulação , ele entende isso como querer vantagens . Esses deputados que atrapalharem vão tomar um susto nas urnas .É só esperar !

    1. Precisamos pressionar a votação do FIM DO FORUM PRIVILEGIADO. Segundo promessa de MAIA, que a segura desde 2014, pressionado pelo novo Senado, disse que colocará em votação esta semana. Nos posicionemos na pressão.

    2. Tua visão é verdadeira, mas não creio que vá se refletir nas urnas... Falta muito tempo para as próximas eleições, e o povo, além de "esquecido" adora um "populismo barato" como o de Lula. É esperar pra ver...

  93. Porque na mesma noricia não escancara que o grande vilão das dificuldade das reformas são as diversas frentes dos servidores publicos, como juizes, promotores, procuradores, auditores, fundos de pensão de estatais e políticos empresários mal intencionados, que sugaram e sugam o sangue da nação.

    1. Leão, quando me referi na crítica aos fundos de pensão, é que por muito tempo as empresas estatais contribuiam para esse fundos, que chegava a 40%. Ora os fundos de pensão deveria ser algo de contribuição apenas dos empregados dessas estatais. Hoje esses fundos estão sendo ajustados e adequados a realidade e tanto é que muitos empregados, em razão dessas mudanças, preferiram pegar o dinheiro lá depositado, para montar seu negócio, compra uma casa, ou realizar viagens, etc.

    2. De onde vc tirou que fundos de pensões de estatais sugam a nação. Os funcionários de estatais que tem fundo de pensao fazem contribuições mensais para estes fundos, além das contribuições para a previdência oficial, e em valores bem maiores. A A maioria desses fundos foram sugados (roubados) durante os governos do PT e agora os funcionários estão pagando a conta para equacionamento do prejuízo , com aumentos absurdos nas suas contribuições.

    3. Rodrigo, compreendo sua indignação, mas tenha certeza que a critica em nenhum momento o atingirá vc que trabalha honestamente. Quanto a concurso público, não é relevante, pois o que interessa para a sociedade é a qualidade da prestação do serviço público e nisto, infelizmente, ainda é considerado um dos piores e mais caros do mundo.

    4. Sou servidor publico federal , passei em concurso em que duvido que o sr passasse , trabalho honestamente , contribuo com valores acima do trabalhador da iniciativa privada , pago todos meus impostos , defendo o sr e provavelmente salvaria sua vida na rua se precisasse . Alem do que foram esses servidores q chamas de sugadores que mudaram o brasil nos ultimos anos . Jornalistas tiveram 16 anos pra expor a corrupçao por exemplo e nada !

    5. Tem razão Walter, a crítica certamente não é para vc, mas para aqueles que todos nós sabemos e dispensa nominação. Em nosso país, infelizmente, ainda existe os barnabés (meu pai era um deles), principalmente após os governos FHC e PTistas, onde ocorreu uma transferência ilidima de renda para amaciar esses grupos que detém ainda muita influência no orçamento público.

    6. é sempre bom especificar quais os servidores públicos que nem vc fez no texto.pois é bom lembrar que existem servidores que são mau pagos como profrssores,policiais,agentes de endemias,etc.e que também são vítimas desses políticos e da casta superior de servidores.

  94. Está claro que os políticos apenas refletem o caráter distorcido e os desejos dos brasileiros. Verdade seja dita: o brasileiro, em geral, precisa evoluir muito para deixar de ser imediatista, aculturado, apolítico, ufanista e individualista. Precisa aprender a viver em coletividade, prezar mais a liberdade com responsabilidade, entender que cada um é o agente de mudanças do seu próprio destino, ser o gerador da própria riqueza e deixar de ser o eterno dependente do Estado (falido)

    1. Tem que acabar com essa historia de “ é bom lembrar que tem servidores mal pagos “ Ok , merecem ser melhor remunerados , mas eu sou bem temunerado proa padroes nacionais e nao me envergonho disso . Voce acha q varias instituições melhoraram sim nas umtimas decadas por quê . Atração de talentos com vantagens sim , não ha nada errado com isso . Errado são as estatais inúteis , os cargos de confiança os esquemas bilionários ...

    2. se o brasileiro fosse inteligente não estaria se preocupando com a previdência e sim como não depender dela no futuro.

  95. É terrível viver num país cujo parlamento é tacanho, corporativista, inerte. Esse pessoal de Brasília só tem uma única ideia na cabeça: atender os seus próprios interesses. Não há espírito magnânimo, não há visão a longo prazo. Eles não pensam nem ao menos no futuro de seus filhos e netos - talvez porque já tenham amealhado o suficiente e salvaguardado seus investimentos em algum paraíso fiscal. Enfim, sobra para o povo o profundo sentimento de “pula do navio e salve-se quem puder’...

    1. Não esperaria outra coisa desses políticos meia tigela do Brasil. O que eu não me contenho é com o povão que ao invés de pressionar pela mudança, faz com diz a Lúcia.

    2. O Parlamento ser corporativista quer dizer o que? Que parlamentares representam corporações que os elegeram. Foram pessoas da sociedade que os colocaram lá, exatamente para defender seus interesses. Quem não tem padrinho, morre pagão. Passou da hora deste povo prestar atenção a quem passam procuração. Muitos votaram em nomes que, teoricamente, dariam respaldo ao Presidente, sabidamente sem nenhuma base parlamentar consolidada. Na esperança que teriam seus desejos atendidos. Quanta inocência!

  96. Os eleitores tem a responsabilidade do voto q deram aos Parlamentares Planilhados nas Delações e devem reconhecer sua conivencia diante desses 4 meses mais neste passado-presente q estamos enfrentando juntos. Ter Projetos que alavancariam o BRASIL parados para proteger os PPDs, nos convence cada vez mais que só UMA BIC pode fazer a SOLUÇÃO DE OURO, para todos que estão ou que querem vir ser BRASIL. A corrupção provoca desconfiança que provoca prejuízo para toda uma Nação.

  97. Está claro que os políticos não vêem como prioridade os interesses da nação. O país e o planeta reconhecem a competência do Paulo Guedes e a importância de implementar a reforma da previdência que ele propôs. Mas para esses políticos, defensores de seus próprios interesses e de corporações, não interessa a nação. E, assim, o Brasil continua na mão dessa politicalha rasa, que o mantém na indigência econômica e social. É preciso uma mudança dessa mentalidade tacanha que impera no Congresso!!

    1. Só quem pode mudar isso são os eleitores. O último pleito mostrou que a maioria não tem competência para tanto. Pouco mudou, porque este povo também não mudou. Continua tão tacanha quanto sua representação, seja no Legislativo, seja no Executivo. Levar Bolsonaro para o segundo turno provou isso.

  98. Crusoe, vcs estão perdendo o foco, o título da matéria poderia ser “ A perseverança de Paulo Guedes” Diogo, bota ordem na casa

  99. Alguns pontos q ainda não entendi: Contribui por 15 anos, o resto será capitalização? O q já contribui, perdi? Se todos serão capitalização, quem vai pagar a pensão/aposentadoria de quem recebe no sistema antigo, que quem contribui paga pra quem recebe? Se é capitalização, a mulher que recebera, por exemplo, auxílio maternidade, será descontado do montante dela? Isso afetaria o valor da aposentadoria? Se nao, quem paga? Se eu contribui só pra mim, quem paga o BPC?

    1. Essa é a conta que eles ainda não mostraram: Quem bancará a massa de aposentados atual quando for iniciado o sistema de capitalização. Só podemos deduzur que o custo da mudança será imenso e o governo terá que bancar. Mas isto não anularia os efeitos da economia prevista com a reforma?

  100. É muito triste ver que ainda existe toda essa dificuldade de aceitar boas ideias, há políticos apenas para ferrar o bom andamento dos projetos, apenas por ser oposição ou centrão. Com o resultado das eleições minha esperança era de renovação política, mas esse sentimento já voltou pra realidade. Aqui nada é fácil, ainda temos anos luz para avançar. Nosso melhor ministro da economia, até o momento (na minha opinião), tem carregado uma grande cruz nas costas e uma bola de ferra nas duas pernas.

    1. Infelizmente, ao saber de tudo isso, temos a certeza que o Brasil É um país de terceiro mundo. Quer entrar para o clube dos países ricos, maltrapilho. Com essa classe política aí, estamos para para frequentadores de rituais africanos. Nossa classe política é tão ordinária, que pra eles, a pena de morte seria pouco. Que raça maldita !!! A pensar que estão lá eleitos por um bando de ignorantes, semianalfabetos, é mais triste ainda. É de se perder a esperança.

  101. A matéria é interessante e de boa prática jornalística. O ministro Guedes é o melhor que já tivemos. tem todo o apoio dos brasileiros sérios e trabalhadores. Só não vejo no dia a dia deste veículo e de O Antagonista um jornalismo coerente. Vejo muita fofoca e chamadas vazias, como se fossem uma sucursal da Folha de São Paulo ou do Globo. Voltem às suas origens enquanto ainda há tempo.

    1. Pra quem tem amigo corrupto, a melhor coisa é um Bolsonaro que precisa barrar investigações pra ele e seus filhos não irem fazer companhia para o Luladrão em Curitiba.

    2. Discordo. Parece jornalismo mas ê militância. Caio quer ver Bolsonaro fora do governo pois deve ter amigo corrupto.

  102. Em entrevista a Caio Junqueira, edição anterior 57, Marcos Mendes cravou "Ou fazemos reformas ou teremos uma crise profunda". Recomendo. Bom trabalho!

  103. Interessante todo esse apoio à reforma do Guedes. A bem pouco tempo, tivemos a grande reforma trabalhista que geraria milhões de empregos e o "povo" ficaria tranquilo podendo honrar seus compromissos financeiros. Os resultados dessa reforma foi só a queda na arrecadação do governo sobre impostos e taxas que incidem sobre os empregadores. Agora a "Nova" previdência reduzirá encargos para os empregadores e beneficiará o "país e o povo" (novamente o povo sairá ganhando). Será que essa é a solução?

    1. Fabio, gostaria que apontasse quais os impostos e taxas que o governo deixou de arrecadar com a reforma trabalhista, pois parece que você é im profundo conhecedor do assunto para fazer tal assertiva.

    2. Porque não iniciar com a reforma financeira, o país gasta. cerca de 40% de tudo que arrecada com juros, os bancos anunciam crescimento de lucros todos os anos e o Guedes quer dizer que a maior despesa corrente do Brasil é com previdência, que o custo gira em torno de 25%?

    3. A dita Reforma Trabalhista, que tem cerca de 2 anos, tem resultado pífio em relação a geração de empregos. Qual a garantia que a Reforma da Previdência garantirá a geração de empregos? Só garantia na teoria.

    4. A reforma trabalhista , se pesquisar um pouquinho ajudou o desemprego a não aumentar muito. Veja os números de carteiras assinadas em abril. O estrago que o PT fez , uma ou até 10 reformas não tem condições de reverter drasticamente o quadro atual. No final das contas , o objetivo é a volta da confiança e não a reforma em si

  104. Quem precisa cair na real é o povo Brasileiro que deveria sair às ruas e exigir que as reformas, declaradas na campanha, fossem aprovadas.

  105. Volto a insistir... Cada deitado/senador representa também exatamente o número de eleitores que neles votaram. Enquanto ficarmos julgando as instituições e não a "raiz" do problema, que é o baixíssimo nível ético e moral de nossa gente, nada mudaremos.

    1. Perfeito. Os políticos nada mais são do que a amostra do caráter do povo eleitor brasileiro.

  106. Qual é sua mesmo Crusoé? Existe alguma dúvida que o congresso treme de medo que o governo dê certo???? Ajudaria mais se a capa fosse citando os bandidos contra o país Fica a sugestão de pauta, aprofundar os motivos de serem contra o país Nem todo pilantra é tão sincero qnt Paulinho da Força

  107. Ele cai na real e nós votantes, caímos de pau em cima destes políticos de bostas. Tarda mas não falha. A horta, dependendo do que se planta, leva tempo para a colheita. A hora deles vai chegar.

  108. Lamentável as manobras visando desidratar a reforma da previdência que, objetivamente, vai desidratar o futuro do país em favor dos privilegiados. Mas, Deus está acima de tudo e de todos. Vamos ver se esta cambada de safados vai conseguir desidratar tantas esperanças.

  109. Reportagenzinha para causar mais confusão, nunca reformas foram tao bem encaminhadas e tão claras. Nunca um governo conseguiu tanto apoio da população e ate mesmo de políticos para aprova las. A AGENDA DO PAIS É DE MUDANÇA, A ONDA É POSITIVA. Somente o jornalista não enxerga isto

    1. Eu Também Luís. Fui na onda e paguei um ano de assinatura desse jornaleco , que adotou a linha editorial da Folha de São Paulo e outros!! Mais uma decepção com a imprensa!

    2. fofoqueiros! Só não cancelo pq já paguei tudo adiantado!

    3. Cancelando essa assinatura prá já. Se eu quiser ler fofoca vejo na Contigo ou Fuxico.

    4. Concordo, reportagem pra causar confusao Qual é a sua Crusoé????

  110. obviamente aprovar tudo o que foi proposto seria uma utopia. Agora temos que observar a responsabilidade de nossos políticos para com o país.

  111. Com certeza a Crusoe, que ainda respeito muito, vive em outro mundoCom uma “ escorregada” no texto, contradiz a matéria inteira, quando o interlocutor em entrevista afirma é mais fácil O Presidente pedir pra sair do que ele. Caia na real Crusoe

  112. desculpe mas o texto confundir o Partido NOVO com o centrão é simplesmente um absurdo, inadmissível. De onde tiraram essa ideia?

  113. O papel do ministro é fundamental para a reforma e para economia brasileira. Ele passa credibilidade e sinceridade em todas as suas análises, e para economia, uma ciência social, é imprescindível a percepção que estamos no caminho certo.

  114. Crusoe: pq vcs nao mudam a abordagem, pra ajudar o pais? A abordagem nao deveria ser: Guedes cai na real! E sim: A elogiavel perseveranca do competente Guedes frente a resistencia dos incompetentes politicos brasileiros!

    1. Jornalistas nos últimos 25 anos formaram em porões de universidades. A maioria é anarquista e esquerdopata pois suas incubadoras são desprovidas do mínimo senso de realidade. Alguns gostam de viver afogados no mar adriatico, totalmente fiéis a esse viés insano.

  115. Enquanto o brasileiro não deixar de ser estatólatra não sairemos do Buraco. Qual o sonho de quem estuda muito aqui?! Passar em concurso público. E a própria classe empresarial não quando é politizada age somente pelos seus interesses através das confederações e sindicatos patronais. Quem mais pga imposto são os mais distantes das decisões em BSB e são os que mais continuaram a carregar o jacar, sem reclamar.

  116. Somente daqui a 50 anos, quando os jornalistas já tiverem morrido , se terá o prazer de ler um comentário deste tipo. O que seria articulação política? Quem seria este experiente articulador? Somente o presidiário no hotel recebendo os políticos com as cestas básicas ! Para mim isto não é a tão falada "Ordem Constitucional"

  117. E o craque Paulo Guedes também inaugurou uma forma direta de responder aos nefastos imbecis(confrontando com verdades) principalmente aos esquerdistas loucos, desonestos e mentirosos. Mas, tudo com muita ternura.

  118. O grande feito de Paulo Guedes é exatamente expor para a nação brasileira que nossos políticos agem em causa própria. Eles, os políticos, só visam seus interesses. O povo que expluda!!!

  119. Infelizmente é uma batalha inglória, mas, espero que o Min Guedes aguente firme, na certeza que contra além dos políticos que só enxergam as próximas eleições e o corporativismo federal. Que esses corruptos de plantão aprovem a reforma na integralidade!!!

    1. Crusoé logo logo muda o seu codinome para Brasil pior. Estes jornalistas encubados nos porões e cantinas das universidades brasileiras nos últimos 25 anos, sequer sabem o que é amar a Pátria. Ainda se tentassem uma explanação decente, suas mentes só conseguem um aproveitamento de 10 a 15% de capacidade de compreensão.

    2. A República ainda existe? Um festival de declarações sem nenhum valor, povoam o dia a dia das pessoas, logo, os parlamentares, que são eleitos, ficam que nem baratas tontas!! Agradar a quem? Balbúrdia diária!!

  120. Paulo Guedes ñ deu entrevista à redação de Crusoé, mas mesmo assim alguém lá dentro induziu respostas em nome dele, q em nada ajudam ao país. Ao mesmo tempo em que elogiam esse craque, pois ñ tem como ñ reconhecer isto, desqualificam-no ao afirmar q ele abandonará o jogo porquê a sua reforma se desidratou Guedes está jogando pesado, e sabe quem são os inimigos representados p centrão. Só bandidos apoiados pelas instituições aparelhadas é um funcionalismo público despreparado e inconsequent

    1. Tem toda razão. Guedes “baita” profissional. Infelizmente os deputados representam a si próprios, não seus eleitores que querem um país melhor !

  121. Paulo Guedes é essencial a esse país! Tanto pela revolução na economia quanto na melhora do debate quando expõe a realidade e os interesses!

  122. Esse governo é uma piada. Os caras acham que vivem em Nárnia. Infelizmente a ala política é composta de muitas “madonas” que querem aparecer, querem o protagonismo, parecem crianças birrentas brigando na hora do recreio. São um bando, jamais será uma bancada. Enquanto isso, as “raposas felpudas” do congresso continuam predando o galinheiro. Se Bolsonaro quiser aprovar as reformas necessárias aí país, terá infelizmente que ceder em alguns pontos ao centrão, e depois de tudo aprovado, dar o troco.

  123. existem outras reformas mais importantes a serem feitas antes, esse Paulo Guedes é muito falador, reforma política, reforma do judiciário, reforma dos militares (pra que militares? última guerra do Brasil no Paraguai deve ter mais de cem anos) não prestam nem pra policiamento fuzilaram uma família no rio e ficou por isso. lembrando o grande general Aparício Saraiva "con postes podridos no se hacen corrales"

    1. Paulo Guedes já caiu sim na real, o que está faltando são esses picaretas do Congresso também caírem.

    2. uma coisa ou outra acontece em um futuro próximo, apaetir de 2022 viramos uma Venezuela, ou os militares toma o poder, e todos os lugares do mundo onde começou o comunismo, quem tava no poder? os militares. cuba, Venezuela, Rússia, china...

    3. Vai lá e faça melhor...você sabe desses números???

  124. Já está claro, ou os militares compram essa briga em nome da sobrevivência econômica do país, fechando essa casa da mãe Joana ou ficaremos deitados eternamente em berços plendidos esperando pelo último suspiro até explodir.

    1. Para que os militares ajam, o povo tem que ir em grande massa para a porta dos quartéis solicitar uma boa limpeza na política nacional ( federal, estadual e municipal). Pergunta que não quer calar: onde está aquela massa popular que fez passar vergonha o "ele não"?

    2. Colocar os militares de volta? Fechar o Congresso? Coloquem-se os ladrões na cadeia, mas o Brasil não tem como desmontar o pouquinho que resta. Quem é que dá sinais de saber conduzir alguma coisa?

    3. Kkkkkkk! “Berços plendidos” foi boa! Não seria “berço esplêndido”? Eita língua pátria!

  125. Força Guedes.Sem detalhar ,têm muitas tarefas a vencer. Mantenha a atitude altiva e pro ativa. No restante eles vão cedendo, pois ainda lhes resta um instinto de sobrevivência. Do contrário eles irão vivenciar a ira dos pagadores de impostos.

    1. Mr Guedes se eu fosse o Sr cairia fora deixe este congresso decidir com sua incompetência habitual.OK OK !!

Mais notícias
Assine 7 dias grátis
TOPO