Divulgação

Operação da PF contra Wilson Lima complica governador em dia decisivo no STJ

02.06.21 09:10

Pressionado pelas revelações da CPI da Covid, o governador do Amazonas, Wilson Lima, é alvo de uma operação da Polícia Federal nesta quarta-feira, 2. A ação foi deflagrada poucas horas antes do início do julgamento da denúncia apresentada pela Procuradoria-Geral da República contra o governador amazonense. Os ministros da Corte Especial do Superior Tribunal de Justiça vão se reunir para analisar a denúncia por crime de peculato em compras de respiradores pulmonares.

A ação comandada pela PF nesta quarta é uma nova fase da Operação Sangria. Os policiais cumprem 25 mandados expedidos pelo STJ, onde o governador tem foro. Segundo a corporação, há indícios de que funcionários do alto escalão da Secretaria de Saúde do Amazonas realizaram contratação fraudulenta de um hospital de campanha para favorecer um grupo de empresários locais. A ação teria sido coordenada pela cúpula do governo amazonense.

O inquérito mostrou que o hospital de campanha construído pelos empresários investigados não atende a regras básicas de engenharia hospitalar e, por isso, expõe pacientes e profissionais de saúde a riscos de contaminação.

A denúncia contra Wilson Lima que será avaliada pela Corte Especial do STJ nesta quarta-feira foi apresentada pela PGR em abril. O secretário da Casa Militar do Amazonas, Fabiano Machado Bó, e o ex-secretário de Saúde do estado Rodrigo Tobias também foram denunciados pela PGR. Segundo o Ministério Público Federal, houve direcionamento na dispensa de licitação para a compra de respiradores e os recursos foram gastos para beneficiar empresários locais.

Já é assinante?
Assine a Crusoé ou nosso combo e ganhe o novo eBook de Mario sabino

Assine a Crusoé

*válido até 30/06/2021

Assine a Crusoé ou nosso combo e ganhe o novo eBook de Mario sabino

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. Mais um genocida ? Kkkk deve ter usado o dinheiro da saúde par desmatar...... E o Zezinho diarréia punha a culpa só no governo federal....

    1. Deixa de ser idiota, ali só tem bandido, os ex governadores eram da mesma laia. Tem que mandar todos pra cadeia.

  2. Muito relativo!!! Parece a favor dele e do governo federal. Com esta operação da PF e a fuga, talvez por ter sabido antes da operação, do secretário de saúde não irá à CPI depor publicamente ao país sobre a atuação do governo federal em amazonas.

Mais notícias
Assine 7 dias grátis
TOPO