Gustavo Sales/Câmara dos Deputados

Moraes autoriza compartilhamento de quebra de sigilo de deputada bolsonarista

17.09.21 15:57

O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal, autorizou o compartilhamento dos dados da quebra de sigilo bancário da deputada bolsonarista Aline Sleutjes (foto) que fazem parte do acervo do inquérito que investigou a promoção e o financiamento de atos antidemocráticos.

Moraes permitiu que o material seja remetido ao gabinete de Gilmar Mendes, relator de uma investigação sigilosa sobre suposta operação de um esquema de “rachid” no gabinete da deputada do PSL do Paraná.

É pacífico o entendimento do Supremo Tribunal Federal quanto à possibilidade de compartilhamento de elementos informativos colhidos no âmbito de inquérito penal para fins de instruir outro procedimento criminal“, escreveu o ministro, em um curto despacho.

O inquérito que mira Aline Sleutjes foi aberto por determinação do próprio Moraes. Em meio à apuração dos atos antidemocráticos, a Polícia Federal identificou, a partir da transferência de sigilo da deputada, uma série de depósitos bancários feitos por assessores parlamentares na conta da dela entre 2019 e 2020.

Entre eles, a PF destacou repasses de 68 mil reais realizados pelo chefe de gabinete da deputada, Marcelo Vinícius Collere. Em depoimento, Aline disse que havia garantido um empréstimo ao seu assessor no início de 2019 no valor de 50 mil reais porque ele enfrentava dificuldades financeiras e que “a quitação do empréstimo foi feito mediante pagamentos parcelados durante os anos de 2019 e 2020“.

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

O maior e mais influente site de política do Brasil. Venha para o Jornalismo independente!

Assine a Crusoé

CONFIRA O QUE VOCÊ GANHA

  • 1 ano de acesso à CRUSOÉ com a Edição da Semana: reportagens investigativas aprofundadas, publicadas às sextas-feiras, e Diário, com atualizações de segunda a domingo
  • 1 ano de acesso a O ANTAGONISTA+: a eletrizante cobertura política 24 horas por dia do site MAIS conteúdos exclusivos e SEM PUBLICIDADE
  • A Coluna Exclusiva de Sergio Moro
  • Podcasts e Artigos Exclusivos de Diogo Mainardi, Mario Sabino, Claudio Dantas, Ruy Goiaba, Carlos Fernando Lima e equipe
  • Newsletters Exclusivas

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. Rachadinha fez e faz escola há mais de 30 anos entre os parlamentares… queremos ver se punições serão democráticas ou vão pegar apenas peixinhos pequenos, sem padrinhos!

  2. Oba. Vamos saber como a bela Aline ganha a vida sendo uma Bozogenocida. Não deve ser muito diferente da fonte de renda do Joãozinho Necrófilo e do Nyco Penyco.

    1. E não é que eu acertei. Ela é paga pelos grileiros para apresentar projetos que visam degradar o meio ambiente brasileiro. Trata-se, portanto, de uma criatura degenerada.

    1. Bate no Zezinho burro que ele gosta e não chora…kkkkkk

    2. Pra você ver o nível zoado de nossa atual "justiça". Mas o pior é presenciarmos o nosso excrementíssimo presidente bozonáro contribuindo diretamente para emporcalhar mais ainda a nossa miserável justiça com as horríveis indicações de Aras, Mendonça e Humberto. E viva o Bozolulismo corrupto e idiotizante!

Mais notícias
Assine 7 dias grátis
TOPO