Edilson Rodrigues/Agência Senado

Governistas da CPI encomendam parecer pró-Bolsonaro ao jurista Ives Gandra

28.09.21 10:52

Senadores governistas que integram a CPI da Covid pediram ao jurista Ives Gandra Martins um parecer favorável ao presidente Jair Bolsonaro para apresentar à comissão parlamentar de inquérito. Segundo o líder do governo no Senado, Fernando Bezerra, do MDB, os parlamentares bolsonaristas pediram o posicionamento do jurista sobre temas como o papel da União no enfrentamento da pandemia.

Entre os temas da consulta está a legitimidade da CPI de promover uma eventual acusação do presidente diante de supostos indícios de cometimento de crime comum. Segundo Fernando Bezerra, Ives Gandra elaborou o parcer pro bono, ou seja, sem cobrar honorários.

O jurista avaliou também possíveis imputações como crime de responsabilidade e de charlatanismo. A posição de Gandra, segundo Bezerra, é de que a prática representa apenas “mera expressão de opinião pessoal do presidente”.

Os governistas pediram ainda a opinião do especialista sobre outras acusações que a CPI prepara contra o presidente, como a de crime contra humanidade, corrupção e peculato, além de improbidade administrativa. “A opinião poderá contribuir muito com os trabalhos da comissão”, argumentou Fernando Bezerra.

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

O maior e mais influente site de política do Brasil. Venha para o Jornalismo independente!

Assine a Crusoé

CONFIRA O QUE VOCÊ GANHA

  • 1 ano de acesso à CRUSOÉ com a Edição da Semana: reportagens investigativas aprofundadas, publicadas às sextas-feiras, e Diário, com atualizações de segunda a domingo
  • 1 ano de acesso a O ANTAGONISTA+: a eletrizante cobertura política 24 horas por dia do site MAIS conteúdos exclusivos e SEM PUBLICIDADE
  • A Coluna Exclusiva de Sergio Moro
  • Podcasts e Artigos Exclusivos de Diogo Mainardi, Mario Sabino, Claudio Dantas, Ruy Goiaba, Carlos Fernando Lima e equipe
  • Newsletters Exclusivas

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. Eu tenho plena convicção que o Bolsonaro cometeu inúmeros crimes no enfrentamento da pandemia. Ives Gandra se realmente for fazer um contraponto, terá que vender a sua alma ao diabo, pois estará defendendo o indefensável, sobretudo por estar fazendo isso, perante a opinião pública. Moro 🇧🇷

  2. Única opinião pessoal que podia ter , era dizer para Micheque não se vacinar, ou seja , nem nesta idiotice pessoal os familiares acreditam no jumento !!!Ainda se vacinou nos EUA, terra do Biden, é muito irresponsável, podendo ela, prestigiar o PNI nacional!!Sao muito ruim , esta familicia!!

  3. Respondeu tudo. Um presidente, quando eleito, não tem mera opinião pessoal. Tudo que ele fala e faz impacta o país. Portanto, o Bozo é culpado pelo genocídio de mais de 600 mil pessoas. Prisão eterna para o pervertido, necrófilo e delinquente.

Mais notícias
Assine 7 dias grátis
TOPO