Adriano Machado/Crusoé

Conselho político prometido por Bolsonaro não vingou

29.05.19 07:01

Passados quase dois meses da promessa, o presidente Jair Bolsonaro (foto) ainda não criou o conselho político formado por dirigentes e líderes de partidos simpáticos ao governo.

Bolsonaro prometeu criar o conselho durante a série de reuniões que teve com dirigentes partidários no Palácio do Planalto, no início de abril. A ideia era que o conselho tivesse dois grupos, que se reuniriam a cada 15 dias.

Líderes e dirigentes não esqueceram a promessa, que havia sido feita como um aceno principalmente ao Centrão. O grupo, que inclui DEM, PP, PR, PRB, PSD e SD, tem entrado em rota de colisão com o presidente.

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

O maior e mais influente site de política do Brasil. Venha para o Jornalismo independente!

Assine a Crusoé

CONFIRA O QUE VOCÊ GANHA

  • 1 ano de acesso à CRUSOÉ com a Edição da Semana: reportagens investigativas aprofundadas, publicadas às sextas-feiras, e Diário, com atualizações de segunda a domingo
  • 1 ano de acesso a O ANTAGONISTA+: a eletrizante cobertura política 24 horas por dia do site MAIS conteúdos exclusivos e SEM PUBLICIDADE
  • A Coluna Exclusiva de Sergio Moro
  • Podcasts e Artigos Exclusivos de Diogo Mainardi, Mario Sabino, Claudio Dantas, Ruy Goiaba, Carlos Fernando Lima e equipe
  • Newsletters Exclusivas

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. Como função política não há qualquer sentido em criar o Conselho, só se for para dar uma falsa impressão aos chantagistas, pois eles estão desesperados e é praticamente impossível que aceitem colaborar. Quanto mais corda for dada para eles mais se enforcarão, o melhor que poderia vir do Conselho seria se conversas e propostas indecorosas fossem gravadas. Nada mais.

  2. Há pessoas no Congresso e no judiciário que não hesitariam em ir até as últimas consequências para fugir da justiça, esta é a única coisa que alguns membros do Centrão aceitam como condição para colaborar. São estes indivíduos que tumultuam a relação do governo com o Congresso, para eles o Conselho seria uma oportunidade de se colocarem como mediadores desta relação. Podem colocar o povo na rua, cercar o Congresso com tanques, a única condição deste pessoal é fugir da cadeia.

  3. O que este pessoal estaria fazendo se Renan Calheiros tivesse ganho a presidência do Senado é inominável e impensável. Os chantagistas contaminam quem quer colaborar, a criação deste Conselho parece mais uma oportunidade de eles tentarem demonstrar poder e tumultuar o processo. Afinal, se eles estão enrolados até o pescoço em sujeiras, pq vão abrir mão da única barganha que tem: a reforma? Eles não vão colaborar sem que a contrapartida seja um acordão.

  4. Essa informação sugere o quê? Ela poderia ser assim: Bolsonaro ainda não criou etc etc..., os motivos são vários, dentre eles, uma mudança estratégica para evitar conflitos e conseguir que a agenda do governo seja melhor adequada às necessidades do país! Viu? facinho!

  5. Conselho com mercenários, para que? Vão querer jetons e diárias para cada "reunião " . Faz bem o 01 em deixar na espera.

  6. Basta o Bolsonaro dizer que as reuniões não terão despesa para o governo. Aposto que nenhum vai cobrar a criação deste Conselho.

  7. Eu gostava muito da Crusoé, até incluir em seus quadros alguns jornalistas que a tornaram uma revista de fofocas como tantas outras. Mal do jornalismo moderno. Não irei renovar minha assinatura. Se é para ter este tipo de notícia, fico com o youtube mesmo.

  8. De que adiantaria um Conselho de NOTÁVEIS e COMPETENTES se na presidência estaria um DIMINUTO e INCOMPETENTE, que tem demonstrado que não sabe avaliar adequadamente as informações que recebe, e depois ainda age de maneira contraproducente? Tem bons ministros, mas não os ouve.

    1. Cati — Isso mesmo. Bozo é igual aquele cachorro que possui um desejo incessante de perseguir e morder o próprio rabo. Deve ser efeito do chá de Kunda, uma planta aromática das florestas dos Congo.

  9. Não tem clima para o Conselho ou maior aproximação. Acho que se chegar perto será mordido.Veja que enoja só falar desses partidos e nomear quem participa do Centrão. Eles convocaram Ônix e sabem da fragilidade do PSL vão continuar atacando o governo em tudo. Não são populares e são eles mesmos os culpados da repulsa popular e não aceitam. Devem favores a grupos que financiaram suas vidas políticas estão maus lençóis infelizes da vida. Há algum deputado bom mas os líderes estragam.

  10. vejamos e convenhamos Gadelha ,não acho que este é o melhor momento para se cobrar esta promessa que o presidente fez . Deixa o presidente resolver o serio momento presente . Esta promessa pode ficar para um proximo futuro . Seria muito mais proveitoso para nos leitores desta grande nação , que você pesquisasse o bom desempenho dos outros ministérios também e fizesse uma matéria nos premiando com uma matéria digna de vc.

  11. Jamais funcionaria a contento. JB não ouve ninguém; faria o oposto do que lhe aconselhariam; mudaria de ideia uma três vezes por semana. É uma espécie de autismo político associado a personalidade autoritária.

    1. JOSHUA. Certamente que seria um Conselho inútil. É como dar uma arma potente para um incapaz de compreender como funciona. Mas discordo que JB mudaria de idéia três vezes na semana: ele faria isto pelo menos três vezes no dia. O homem é uma gangorra!

    2. Concordo. Conselho inútil. Quem tem Carluxo e Olavo não precisa disso.

    3. A coisa foi tão mal feita, que a iniciativa foi redigida pelo Toffoli, kkkkkkkk. Logo ele, o petista tão criticado pelas falanges infantilizadas do bozismo. Eu morro de rir deste pessoal.

    4. Da mesma forma não irá funcionar esse pacto entre os três poderes, com a intenção de ajustar as agendas. Mais um factoide.

  12. Vou ajudar sua análise, senhor Gadelha. O denominado Centrão (velha política, turma do toma-lá dá-cá, chame-os do que quiser) não entrou em rota de colisão com o Presidente. Eles estão em rota de colisão com os eleitores que defendem o Brasil. Nada mais adequado neste momento que... BRASIL ACIMA DE TUDO

    1. De todos os candidatos o Bolsonaro foi quem melhor entendeu o recado das ruas. Adaptou-se e sabe entender o que querem os que se manifestam pacificamente (eu me incluo), mesmo não sendo seus eleitores. Muitos dos que estavam nas manifestações não são Bolsonaristas. Acreditamos na capacidade dos Ministros Guedes e Moro para mudar o Brasil. E o único político que nos lê e decifra com extrema habilidade e o Presidente atual do Brasil, provavelmente aconselhado pelo experiente e sereno Gen. Heleno.

    2. Pela sua lógica então o presidente está contra a população brasileira pois o presidente é e sempre foi centrão e o centrão é a base de apoio do governo. Vc concorda?

  13. Na ausencia de pauta, passou a plantar fofocas. Isso não é jornalismo, é ciúmes (para utilizar um termo elegante). Sr. jornalista, o senhor escreve para pessoas esclarecidas.

    1. Quem não nasceu ontem pra política sabe que os petistas eram os reis de chamar de fofoca e intriga inventada pela imprensa toda notícia que não era elogiosa ao governo. Agora os idiotas úteis do bolsonarismo acham que estão abafando repetindo a mesma coisa que os petistas fazem há uns 20 anos.

  14. Kkkkkkkkk, desde quando o Bozo ouve conselho? Se ouvisse já teria se tornado mais responsável. Esqueçam. Bozo é Bozo. Sempre será assim. Faz parte do DNA.

    1. Minha agenda para o Brasil é simples: 1) um presidente responsável que una a nação em torno de uma agenda comum; 2) uma agenda liberal do ponto de vista econômico; 3) uma agenda de adaptação climática para a proteção da nossa economia no futuro, incluindo a proteção imediata da nossa infraestrutura verde, ou seja, nossos ecossistemas; 4) programas de inclusão social baseados em performance e resultados concretos. O resto é tudo consequência destes quatro itens. Respondi?

    2. Que tal um debate sério, senhor. Rotular pessoas diz mais sobre o senhor que sobre os rotulados. Qual a sua agenda para o Brasil atual?

  15. Hoje não se fala em líderes de partidos, até pq a soc politizada abomina os s caciques, muitos deles já execrados e julgados por nós como Juca, Aécio, Calheiros e tantos outros. O CENTRÃO tentou "governar" c um aglomerado de deputados das ORCRIMs já desmoralizadas - portanto ORCRIM dentro das ORCRIMs compostas por fisiológicos deputados tropa de choque - no intuito de dar cara nova ao sistema criminoso do TOMA lá dá CÁ, aperfeiçoado pelo PT sob as vistas do traidor FHC. Estamos alertas.

    1. PARABÉNS RUY.ESTA É A SENDA À PERCORRER. FORA DELA, SÓ ANSIEDADES.

    2. VIGILÂNCIA PERMANENTE E DURADOURA. NAS PRÓXIMAS ELEIÇÕES, CANALHAS NUNCA MAIS!

Mais notícias
Assine 7 dias grátis
TOPO