Adriano Machado/Crusoé

Juiz intima Bolsonaro em ação sobre monitoramento de redes de políticos e jornalistas

04.12.20 17:56

O juiz Dirley da Cunha Júnior, da 16ª Vara Cível da Seção Judiciária da Bahia, intimou o presidente Jair Bolsonaro (foto) a apresentar, no prazo de 72 horas, documentos sobre o monitoramento de redes sociais de parlamentares e jornalistas.

A medida alcança, ainda, o ministro-chefe da Secretaria de Governo, general Luiz Eduardo Ramos, e o secretário especial de Comunicação, Fabio Wajngarten.

A decisão determina também a entrega de documentos relativos a pagamentos efetuados pelo governo à empresa responsável pela prestação do serviço e a comprovação do processo licitatório. A ordem é um desdobramento de uma ação movida pelo deputado Jorge Solla, do PT da Bahia. O congressista acionou a Justiça após a Revista Época revelar o monitoramento, custeado com dinheiro público.

Os relatórios do governo apresentam análises das publicações de políticos e repórteres. Comentários são classificados como positivos ou negativos, vindos da oposição ou de apoiadores do governo. O parlamentar comemorou a intimação de Bolsonaro, Ramos e Wajngarten nas redes sociais. “Além de ser desvio de finalidade do dinheiro público, é intimidação. Nenhum cidadão deve ser monitorado por governos pelo que diz. Só em ditaduras”, escreveu.

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

Só R$ 1,90* no primeiro mês

O maior e mais influente site de política do Brasil. Venha para o Jornalismo independente!

Assine a Crusoé

*depois, 11 x R$ 14,90

CONFIRA O QUE VOCÊ GANHA

  • 1 ano de acesso à CRUSOÉ com a Edição da Semana: reportagens investigativas aprofundadas, publicadas às sextas-feiras, e Diário, com atualizações de segunda a domingo
  • 1 ano de acesso a O ANTAGONISTA+: a eletrizante cobertura política 24 horas por dia do site MAIS conteúdos exclusivos e SEM PUBLICIDADE
  • A Coluna Exclusiva de Sergio Moro
  • Podcasts e Artigos Exclusivos de Diogo Mainardi, Mario Sabino, Claudio Dantas, Ruy Goiaba, Felipe Moura Brasil, Carlos Fernando Lima e equipe
  • Newsletters Exclusivas

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. Cada vez fica mais claro para mim que Bolsonaro ataca os outros, seja chamando de maricas, ou dizendo para uma mulher que não a estrupa por ela não merecer, no intuito de esconder sua fraqueza. Fraqueza de caráter. Sim. Mas também acho uma fraqueza visceral. Lembra do Maçaranduba: nas profundezas do meu eu, não entra ninguém, nem eu. Talvez se buscasse ajuda, conseguiria terminar o mandato. Como acho pouco provável que faça isso, vai indo como esse caminhão sem freio já perto do fim.

    1. Os ruminantes ruminam sempre um bocado de grama e merda. Vai pastar cara!

    2. Vc está certo Alberto. O governo analisar e classificar comentários de políticos e repórteres deve ter a sua razão. Sinceramente, se ele usasse o dinheiro da rachadinha (que também é dinheiro público, mas sabemos do salário e qualidade dos que recebem) para pagar, eu não iria me contrapor. A questão que me incomoda é usar dinheiro público. Em plena crise, dizendo que acabará o auxílio e jogará milhões na extrema pobreza, ele gasta com isso. Se estivesse trabalhando não teria tempo para isso.

    3. Ganha uma passagem só de ida para a Coréia do Norte, quem acertar que o desgovernador Rui Costa está por trás da patacoada. A turma não engole a derrota 2018 e tem fustigado Bolsonaro com toda sorte de canalhice. Chegaram até a insinuar um caso de Osmar Terra com Micheli, o porteiro do condomínio, desejarem que Bolsonaro morra, mas Crusoé/Antagonista cujos donos estão presos nos bolsos dos seus patrões, não comentam a sondagem da Paraná Pesquisas feita recentemente. Relaxa, moçada.

  2. Dito e feito, muitíssimo bem dito e feito e bendito SR. JUIZ DIRLEY DA CUNHA JÚNIOR!!!! Tem sim que passar o rodo, capturar esse cara, o chucky e o restante da quadrilha inteira.

Mais notícias
Assine 7 dias grátis
TOPO